Close

Fui demitido… E agora?

A situação é difícil, bastante preocupante e, infelizmente, comum em tempos de crise: a demissão que ocorre de surpresa causa insegurança e pode acontecer com qualquer pessoa.

Se você foi demitido por corte de custos da empresa, mudanças na diretoria ou outro motivo que vai além de seu controle, precisa manter a calma e conhecer algumas dicas para dar a volta por cima e voltar ao mercado com tudo:

 

1º Permita-se ficar triste:

O impacto emocional de um desligamento é inevitável. Após sofrer o suficiente, você terá condições de olhar para a situação com serenidade e entender os motivos que levaram à sua demissão.

 

2º Peça para a empresa explicar (de verdade) o motivo da dispensa:

A alegação é preciso cortar custos não justifica uma demissão. É importante não se contentar com essa explicação meramente protocolar. Mesmo que a sua dispensa tenha sido realmente motivada por um corte nos custos, há uma razão para você ter sido escolhido para sair, e outros não. Um feedback mais aprofundado ajudará você a descobrir suas lacunas técnicas e comportamentais, e assim se preparar melhor para as próximas oportunidades.

 

3º Ofereça-se para cumprir o aviso prévio

Disponha-se a trabalhar durante o período do aviso prévio. Cuidar da transição transmitirá seriedade, equilíbrio e profissionalismo. Quem mais ganha é a sua reputação: com uma impressão positiva do seu comportamento, a empresa poderá dar indicações e boas referências sobre você para o mercado.

 

4º Faça um bom planejamento financeiro

Pode demorar um tempo até você conseguir um novo emprego. É importante saber quanto você vai receber de verbas rescisórias e avaliar as suas reservas para saber por quanto tempo você consegue sobreviver. O estudo financeiro ajudará a tomar decisões mais acertadas, inclusive do ponto de vista da carreira. Dependendo dos valores da sua conta bancária, você saberá quais propostas negar ou aceitar, e se precisa buscar fontes alternativas de renda enquanto não encontra algo mais estável.

 

5º Busque qualificação

Cursos de curta duração ou até aulas de idioma podem ajudá-lo a se preparar melhor para um mercado cada vez mais exigente!

 

6º Crie uma estratégia para vender os seus talentos

O seu melhor produto é VOCÊ!

Mapeie os seus diferenciais competitivos, a faixa de remuneração desejada e os valores que você busca em um potencial empregador.

Faça perguntas críticas sobre o mercado: Quais são as necessidades mais urgentes das empresas? Qual é o perfil de profissional mais buscado na sua área? Que competências estão em alta? As respostas serão fundamentais para atualizar o seu currículo e montar um plano de recolocação.

 

7º Mergulhe de cabeça no networking

Invista na sua rede de contatos. Networking é essencial! É importante não ter medo de se expor: quanto mais pessoas souberem que você está buscando uma oportunidade, mais chances você terá de encontrá-la.

 

8º Calibre seu discurso

O último passo é se preparar para possíveis entrevistas. Monte um discurso interessante e coerente, que consiga se sustentar mesmo diante de perguntas difíceis.

 

Se você chegou até aqui, é porque realmente esta em busca de uma nova oportunidade no mercado de trabalho.

A LEAD Empresarial, tem um conteúdo exclusivo para auxiliar você neste caminho. Não deixe de acessa-lo. Se ainda estiver com alguma dúvida entre em contato conosco, teremos prazer em conversar com você!

por Sara Bambirra

Referência Bibliográfica:

Foi demitido? Veja o que fazer agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *